Abate de árvores na Rua Margarida Abreu: Questão e Sugestão à CML [Actualização]

Embora não exista registo de intervenção no Arvoredo na CML:
http://www.cm-lisboa.pt/…/intervencoes-no-arvoredo-na-cidad…
cerca de 12 árvores (saudáveis na sua maioria) estão marcadas para “abate” na Rua Margarida Abreu.
A motivação parece ser o arranque das obras de construção de um parque de estacionamento no local.
Os subscritores questionam a CML se o projecto não pode ser alterado por forma a preservar estas árvores (construindo por exemplo um jardim) e a data para a qual está prevista esta intervenção.

Subscrevem
Rui Pedro Martins
Jorge Oliveira
Cláudia Casquilho
Rui Pedro Barbosa
Nuno Dinis Cortiços
Elvina Maria Reis Rosa
Nuno Miguel Cabeçadas
Elsa Felizardo
Zélia Brito
Mariana Bettencourt
Emilio Santos Pinto
Cristina Azambuja
Dulce Amaral
Maria Estima
Beatriz Maia
Suzete Reis
Sampedro Ana Paula
Susana Soares
Jaime Amores
Anabela Gouveia
Luisa Galvão
Maria Julieta Mendes Martins
Zélia Pereira
Lurdes Farrusco
Helena Ferreira
Luis Pina Amaro
João Ribafeita
Eduardo Duarte Coelho
Susana Martins
Susana Fernandes
Daniel Portugal
Rui Martinho
João Leonardo
Rita Dias Costa
Rita Luzia
https://www.facebook.com/groups/Vizinhos.do.Areeiro/permalink/1872581499721315/

Actualização de 08.03.2018

“Abate de árvores na Rua Margarida Abreu: o futuro parque de estacionamento nesta rua pode perfeitamente incorporar as 3 figueiras maltratadas testemunhas do tempo das quintas bem como do pequeno bosque existente ao fundo desta zona com uma pequena zona de descanso com estas árvores e alguns bancos” 30:02 Vizinho do Areeiro Jorge Oliveira 28:53
 
“Em relação às árvores na Rua Margarida Abreu 35:42 vou tentar que as figueiras ainda fiquem no sítio. Em relação às outras elas estão num estado fitosanitário péssimo e portanto têm mesmo que ser abatidas e substituídas por seis árvores. Não sei vão ter mesas: o projecto é um projecto da EMEL (…) em relação a uma que estaria num dos cantos encaminharei isso para a EMEL” 36:39
Vereador José Sá Fernandes
Reunião Descentralizada da CML de 07.03.2018

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *