Petição: “NÃO AO ABATE dos últimos freixos da Av. Guerra Junqueiro e Praça de Londres” [Respondido]

Árvores do Areeiro Perguntas à CML Perguntas à JFA Resolvido

 

Assine e Partilhe! http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=abatefreixosguerraju

Fomos surpreendidos esta 6ª feira, dia 7 Abril de 2017, pela alarmante afixação nos troncos das árvores de avisos de “Intervenções no Arvoredo”, consistindo estes no abate de dezenas de freixos na Av. Guerra Junqueiro e na Praça de Londres, aqui plantados há cerca de 70 anos, recorde-se, em homenagem a Freixo-de-Espada-à-Cinta, terra natal de Guerra Junqueiro.

Trata-se de uma comunicação surpreendente, uma vez que as árvores agora marcadas para a morte se apresentam viçosas e pujantes de verde, como resultado de uma poda selvagem de que foram vítimas há 2 anos.

Face a esta surpreendente comunicação, os subscritores, moradores e comerciantes do Areeiro apresentam a seguinte petição:

1. A poda radical de 2015 deixou a Avenida Guerra Junqueiro completamente irreconhecível, tendo sido realizada numa altura errada do ano e o processo que conduziu a essa poda foi marcado pela falta de informação generalizada, pela ausência de discussão pública e por um comprovado despropósito (vejam-se as árvores agora exuberantes)

2. Volta, agora, a não existir qualquer audição, auscultação, apresentação ou explicação pública, técnica ou fitossanitária sobre a necessidade de novo abate

3. Mais uma vez volta a ser profundamente errada a época do ano escolhida para a operação

Pelo teor dos avisos afixados desconhece-se a proveniência da ordem de abate/poda, se da CML se da Junta pelo que os abaixo-assinados exigem que:
a. Esta operação de Poda/Abater seja imediatamente suspensa e arquivada
b. Que deixem estes freixos em PAZ

Se CONCORDA, assine e divulgue !
http://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=abatefreixosguerraju

Uma iniciativa:
Movimento Cívico “Vizinhos do Areeiro”
Associação de Comerciantes “Bairro em Movimento”

Fórum Cidadania Lx
Plataforma em Defesa das Árvores

 

Parcialmente resolvido a 11.04.2017:
https://vizinhosdoareeiro.wordpress.com/2017/04/11/notas-da-reuniao-dos-vizinhos-do-areeiro-com-o-vereador-sa-fernandes-espacos-verdes/

Actualização

“Sabemos que a maioria dos freixos da Guerra Junqueiro / Praça de Londres / Av de Paris estão atacados por um parasita pelo que o abate será, provavelmente, inevitável. A pergunta é: quando serão plantadas as árvores nestas caldeiras vazias? E qual o plano de substituição dos freixos doentes?”
Vizinho do Areeiro Jorge Oliveira 28:53
“As árvores da Guerra Junqueiro vão ser plantadas – ainda quero articular isto com o presidente da Junta de Freguesia – dia 17 de março às 09:30 (…) será colocado num dos sítios, provavelmente, um banco do Bordalo Pinheiro (que pode não ser já instalado)  e os cepos que ainda lá existem serão retirados quinta-feira. Havia algumas caldeiras perigosas na Rua do Arco do Cego e preferimos actuar aqui primeiro (as que não tinham lancis). Os freixos têm parasitas e vão ser abatidas não todas ao mesmo tempo mas de uma forma escalonada. Peço desculpa que o último abate não foi avisado com a antecedência que está prevista mas já articulei com o sr. Presidente da Junta que os dez dias serão estabelecidos”

Vereador José Sá Fernandes

Reunião Descentralizada da CML de 07.03.2018

https://www.youtube.com/watch?v=5sr7cjhNHZM

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *