Reunião dos Vizinhos do Areeiro com a Direcção Municipal de Higiene Urbana

Hoje, dia 19.09.2019, os Vizinhos do Areeiro, assim como representantes de outros coletivos de vizinhos que integram a Vizinhos em Lisboa estiveram em reunião com a Direcção Municipal de Higiene Urbana


A reunião foi muito profícua e informativa tendo os Vizinhos do Areeiro levado as propostas que enviámos à CML e que dizem directamente a esta direcção municipal:

1

Sobre canídeos e seus dejectos:

“Realizar acções de vigilância e sensibilização com a Polícia Municipal depois da hora de jantar e pela manhã para sensibilizar a população e, numa fase inicial e posteriormente, aplicar multas.

Aumentar as multas contra este tipo de comportamentos menos cívicos

Publicar regularmente a quantidade e o valor de multas (e os respectivos níveis de reincidência)”
http://vizinhosdoareeiro.org/propostas-a-cml-e-jfa-nao-devia-ser-um-problema-mas-se-temos-um-cao-ele-come-ele-defeca-e-urina-e-temos-que-limpar/
 

2

Os subscritores propõem:

“a. Estabelecer prioridades e organizar acções periódicas de remoção dos grafitos ilegais, com prioridade para os que se localizem perto escolas/liceus, monumentos/edifícios públicos/espaços públicos, zonas pedonais e zonas turísticas.

b. Assegurar uma “resposta em 24 horas” nas zonas consideradas prioritárias, o que desincentivará novos grafitos ilegais a médio-prazo e possibilitará aos cidadãos avaliarem de forma eficaz a acção da CML/JF.

c. Remover todos os grafitos ilegais inventariados num prazo nunca superior a 10 dias úteis.

d. Responsabilizar criminalmente os autores dos grafitos considerados ilegais, conforme previsto na Lei nº 61/2013, de 23 de Agosto, para o que deveria ser estabelecido com as polícias e o Ministério Público um protocolo apropriado.

f. Apoiar grupos de cidadãos que queiram executar acções pontuais de limpeza na sua zona de residência, disponibilizando-lhes apoio técnico e logístico.”
http://vizinhosdoareeiro.org/propostas-para-grafitos-ilegais-a-cml/
 

4

“CML: Avaliar um sistema de recolha de lixos em estabelecimentos de Alojamento Local (que funcionam fora da escala de recolha selectiva) por forma a acabar com uma das fontes do triste espectáculo de sacos de lixo na rua

CML/PM: Reforçar, muito, a fiscalização e multas a infracções que passem pela deposição de sacos de lixo na via (publicitando os números das multas por freguesia) criando, na Polícia Municipal uma unidade especializada no combate e prevenção a este tipo de infracções.

Criar métricas online e em tempo real do índice de satisfação dos moradores sobre o sistema de recolha de resíduos nas suas freguesias a partir dos pedidos abertos na aplicação na Minha Rua da CML e de inquéritos online regulares aos moradores
http://vizinhosdoareeiro.org/propostas-de-melhoria-ao-sistema-de-recolha-de-residuos-urbanos-calendario-alojamento-local-sacos-de-lixo-lavagem-de-ruas-e-metricas/
 

5

“Os subscritores pedem a intervenção da CML, RSB e da Junta de Freguesia na zona entre a Rua Manuel Gouveia e a Margarida de Abreu (por detrás da Gago Coutinho). Esta zona, onde foi construído um parque de estacionamento (cujas obras, entretanto, pararam), é local de permanência de um grupo de migrantes dos Balcãs.

No concreto, os moradores pedem que se:

limpe o local dos numerosos detritos entre a mata e os passeios públicos

removam os contentores com rodas que (únicos na freguesia) que aqui estão e que servem de ponto de “abastecimento” a esta comunidade

resolva o facto de todos os dias se fazerem aqui fogueiras com risco de propagação aos matos, propriedades e veículos estacionados aqui perto.

6

“Os subscritores sugerem à Câmara Municipal de Lisboa que instale na uma das novas papeleiras de grande capacidade no Jardim da sede da CGD (frente à Casa de Pasto Oh Pereira).

Sugerimos igualmente que a CML conceba e instale um novo tipo de contentores de reciclagem para copos de plástico nas zonas onde o consumo de álcool na via pública é mais intenso (no Areeiro: Jardim Fernando Pessa, Praça Pasteur, Jardim CGD, João do Rio, etc) e assim se possa contribuir para o fim do decorrente espectáculo diário de jardins com copos de plástico em bancos, no solo e sobre o relvado.”
http://vizinhosdoareeiro.org/sugestao-para-rua-do-arco-do-cego-areeiro-novas-papeleiras-e-criacao-de-novo-tipo-de-contentor-de-reciclagem-para-plasticos/

7

“Tendo em conta que as escadinhas que ligam a Escola EB Luis de Camões à Avenida de Madrid são alvo constante de taggers e grafiteiros (com as subsequentes limpezas pagas por todos nós) os subscritores vêm pedir à Câmara Municipal de Lisboa (Galeria de Arte Urbana | GAU) que patrocine neste local a instalação de arte urbana de qualidade com referências educativas ou ao bairro que possam ser apreciadas e respeitadas pelos frequentadores do local e que sirva de dissuasão a taggers.

Poderia tratar-se de um projecto realizado e executado, após concurso, pelos alunos da própria escola e devia implicar, também, um reforço da iluminação pública e, eventualmente, seguir um modelo de um Jardim Vertical com o mesmo grau de eficiência na resolução deste problema”
http://vizinhosdoareeiro.org/grafitri-artistico-ou-jardim-vertical-nas-escadinhas-da-escola-eb-luis-de-camoes/

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *